sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Botinhas


Esta é a primeira botinha que faço em tricot!
A minha amiga C pediu-me para fazer um conjuntinho de casaco e par de botinhas para o/a sobrinho/a que vai nascer no verão, por isso fui à loja onde habitualmente compro material comprar as agulhas de tricot necessárias para fazer este trabalho: nº 2,5.
Quando vi a grossura das agulhas ia-me dando um "treco" e pensei logo em que é que me tinha metido, com medo de não ser capaz de cumprir o prometido, porque as agulhas são demasiadamente finas... parece até que as vou entortar ao fazer o trabalho... enfim, medos de principiante!
Mas, como a curiosidade é maior do que o medo ontem a noite meti mãos ao trabalho e comecei a primeira bota. Estava com tanto sono que não a consegui acabar... hoje, ao serão lá a acabei e, na verdade, achei que não foi assim tão difícil.
Só me incomoda ainda um pouco o tamanho do trabalho porque estou habituada a trabalhar com agulhas nº 6, 7 e 8. Por acaso o ultimo trabalho que andei a fazer mas ainda não terminei foi um vestido para a a minha filha com agulhas nº 7. Que grande diferença! Se nas botas acho que tenho as mãos muito grandes para a delicadeza do trabalho por outro lado para o vestido da minha filha parece que as minhas mãos são minusculas e insuficientes para abranger o trabalho!! Enfim, desabafos.

Aqui vai a receita:
Material: 25 gramas de lã, um par de agulhas de tricot nº 2,5, 4 botões
Tamanho: unico
Ponto utilizado: Musgo
Casa dos botões: para cada casa remate uma malha e volte a montá-la na carreira seguinte

Para a 1ª parte do cano monte 17 malhas e faça 22 carreiras de altura.Deixe as malhas paradas.
Para a 2ª parte do cano monte 36 malhas e faça 22 carreiras de altura. No entanto, na 5ª e na 17ª carreira faça uma casa para o botão, 4 malhas após a extremidade do trabalho.Após as 22 carreiras de altura remate 8 malhas sobre o lado esquerdo do trabalho, continue a tecer as seguintes 11 malhas para o peito do pé e deixe paradas as outras 17 malhas (8+11+17=36 malhas). A 44 carreiras de altura deixe paradas as 11 malhas do peito do pé.
Pegue agora nas 17 malhas paradas do lado direito, levante do lado direito do peito do pé 11 malhas, pegue nas 11 malhas do peito do pé que estavam paradas, levante mais 11 malhas do lado esquerdo do peito do pé e pegue nas 17 malhas da 1ª parte do cano (tendo atenção para ambas as partes ficarem para o avesso ou para o direito), tendo um total de 67 malhas (17+11+11+11+17=67 malhas). Teça estas malhas ao longo de 12 carreiras - pé.
A seguir deixe paradas de cada lado 28 malhas e continue a trabalhar as 11 malhas centrais para fazer a sola. Para tal, no lado de fora no fim de cada carreira faça a 11ª malha da sola com a malha parada a seguir juntas (como se estivesse a rematar) e, no lado de dentro no fim de cada carreira passe a 11ª malha da sola para a agulha da direita sem tecer, teça a 1ª malha parada e depois passe a malha sem tecer por cima.
Continue desta forma até só ter 6 malhas paradas de cada lado. Remate todas as malhas. FFeche as costuras do calcanhar e do cano. Pregue os dois botôes. Faça a segunda bota tendo o cuidado de rematar as 8 malhas desta vez do lado direito.

Faço por encomenda - 7.5 agulhas


2 comentários:

  1. Muito obrigada por compartilhar não só a foto,mas também a receita! Muito lindo esse modelo de botinha. Obriga outra vez!
    Abraços e fica com Deus.
    eunice

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada pelo comentário!
      Desejo também que fique bem com a bênção de Jesus.

      Excluir